Skip to content

{ Monthly Archives } June 2006

Citação do dia :

“O Brasil é o único país do mundo onde o primitivismo virou escola de pintura.
A sem-vergonhice é total”

( Ivan Lessa )

Tagged ,

SOBRE A VARIG

Muito se tem falado sobre a questào da VARIG … O que poucos sabem é que em 1968 esta empresa contratou Borges para elaborar um folheto turístico sobre as maravilhas do país platino … Se a referida companhia se juntar ao time das Viações Aéreas Extintas ( formado pela Panair , PanAm , Transbrasil , Cruzeiro , etc ) pelo menos vai deixar como recordação, um dos textos turísticos mais bem escritos de todos os tempos … aqui vai um fragmento :

“Alguém já disse que para um filósofo (eu diria para um poeta) uma única gota de água bastaria para imaginar o oceano ou qualquer outro dos delicados ou terríveis prodígios cuja matéria elemental é a água. Nenhum, que eu saiba, é tão avassalador como as tumultuosas Cataratas do Iguaçu.”

( Jorge Luis Borges )

Tagged

POR LAS NOCHES DE POMPEYA

Tagged

Citação do dia :

Um texto literário, de qualidade, é infilmável. Nada mais anticinematográfico que uma novela. Um filme baseado em roteiro não passa de uma ilustração, que pode ser bem feita, mas perderá sempre uma certa dimensão. Um poema é muito mais perto de um filme. Se eu fosse cineasta, filmaria como se escrevesse um poema, inventando imagens.

( Gabriel García Márquez )

Tagged , ,

Citação do dia :

“…toda vida tentamos conhecer o passado para iluminar o futuro. Estamos aprendendo agora a mergulhar nos abismos do presente pois é com ele que o futuro tem relações imediatas e verdadeiras. Esqueçamos o passado. Ele já faz parte do nosso presente de uma maneira obsessiva e desconfortável. Livremo-nos dele. Não precisamos acariciar dores antigas, frustrações nascidas de nossas ilusões infantis. Nada temos a perder senhores racionalista. E quem sabe se desta vez, de fato não teremos um mundo a ganhar?”

( Luiz Carlos Maciel )

Tagged

CALOROSO ABRAÇO NO FRAGOROSO MORMAÇO

Tagged

A MÚSICA QUE OS MEDÍOCRES NÃO OUVEM

Tagged

O golaço que o ex-sãopaulino Kaká fez hoje (*) me fez embrar de KA um livro de Velimr Khlébnikov que li e pretendo reler em um futuro próximo … aqui vai um pequeno fragmento :

“Ka é a sombra da alma , seu sósia , enviado para junto daquelas pessoas , com que sonha o senhor roncador . Para ele não há barreiras no tempo ; Ka vai de sonho em sonho , atravessa o tempo e alcança os bronzes ( os bronzes dos tempos ) .
Aconchega-se comodamente nos séculos , como numa cadeira de balanço . Não é acaso verdade que também a consciência reúne os tempos juntos , como a poltrona e as cadeiras de uma sala de visita ?”

( Velimir Khlébnikov – tradução de Aurora Fornoni Bernardini )

(*) Recebendo um passe do também sãopaulino Kafu , ou melhor Cafu …

Tagged ,

AS REGIÕES ETÉREAS DA SONOLÊNCIA

Tagged

PROFECIAS ACERCA DE UMA COPA DO MUNDO

Amanhã começa mais uma Copa do Mundo … Ninguém esquece da a primeira vez que viu seu país ganhar um título mundial … nem a primeira vez que assiste a sua eliminação …
A primeira vez que acompanhei uma Copa foi em 1970 … naquela época ( já havia ido uma única vez a um estádio de futebol ) preferi ficar brincando , enquanto meus pais , um amigo deles e minha irmã assistiam o jogo na sala , em uma TV preto e branco 14 polegadas … lembro-me que houve muita festa e depois fomos ver o desfile de carros na Av. Indianópolis … quatro anos depois , a primeira eliminação : o escrete canarinho ficou tonto vendo o carrossel holandês girar … se bem que se o Pelé jogasse aquela Copa ou Paulo César Caju acertasse aquele chute no começo do jogo, a história seria outra …se bem que , como dizia Schopenhauer , “nós escolhemos previamente os nossos destinos” , Schopenhauer era alemão … assim como Kant, Nietzsche, Hiedeger e outros filósofos .
Beckenbauer é alemão … assim como Gerd Müller , Seep Maier , Rummenigge e outros campeões mundiais …
Na terra da filosofia também se joga futebol , se bem que o escrete germânico de agora não empolgue , pois a defesa é frágil e o ataque atue na base do futebol-força , com muitos chuveirinhos … creio que mesmo disputando em casa , precisa jogar mais futebol …
O selecionado de Pindorama não é tão favorito assim … tem um ataque extraordinário , porém o lado esquerdo da defesa é vulnerável e sempre existem dois eternos problemas : um deles , é os nossos defensores e goleiros não serem muito bons em jogo aéreo ; o outro é o time perder a bola na defesa , quando sai jogando… mas se marcar com atenção e jogar o que sabe ganha …(*)
Sobre nossos eternos rivais do outro lado do Rio da Prata , a única coisa que tenho a dizer é que : time em que o Mascherano é titular , jamais ganha uma Copa do Mundo .
O English Team é gozado … já foi bom na época de Gordon Banks e Bobby Moore ( Copas de 1966 e 1970 ) , mas ultimamente , quando tem raça não tem técnica e quando tem técnica não tem raça : se tiver a raça do Paul Gascoigne ( Copa de 1990 ) com a técnica do Beckham ganha , mas fugindo de dividida (**) nunca …
A Itália é sempre a Itália e pega o Brasil nas oitavas ou nas quartas de final (***) adversário perigosíssimo … embora não possua uma escola própria (****) .
É bom lembrar que a França tem dois craques de bola e que Portuguito também tem alguma chance …
No mais algum escrete eslavoaba ( emboabas eslavos ) , das selvas de Hiroito ou dos rincões do terceiro mundo pode aprontar , com sempre apronta , mas no final sempre estão Brasil ou Argentina ou Alemanha ou Itália (*****).

(*) Ainda existe a mística ( ou tabu ) de que sempre Pindorama se torna campeão quando joga uma Copa dirigida pelo Parreira exatamente um ano após o Tricolor do Morumbi ter se tornado Campeão Mundial ( em 94 foi assim ) …
(**) Como o astro inglês fez no início da jogada que originou o primeiro gol do Brasil na Copa de 2002 , ao tirar a perna numa entrada de Roque Júnior.
(***) A menos que um dos dois se desclassifique , é claro …
(****) Não existe uma escola italiana de futebol , como existe a escola brasileira de Pelé e Garrincha , a escola do carrossel holandês de Cruyjff , a escola argentina de Maradona e Di Stéfano ou a escola alemã de Beckenbauer e do até então , maior artilheiro das Copas , Gerd Müller … Paulo Rossi até ganhou uma Copa , mas jamais fez escola …
(****) Todas as finais até hove tiveram pelo menos um destes quatro times disputando e em seis ocasiões (1970 , 1982 , 1986 , 1990 , 1994 e 2002 ) houve o confronto direto entre duas destas seleções.

Tagged