Skip to content

{ Monthly Archives } agosto 2001

Citação do dia : ” Un peintre n’a vraiment d’ennemis sérieux que ses mauvais tableaux. ” (*)

Na verdade , um pintor não tem outros inimigos sérios senão os seus quadros ruins

( Henri Matisse )

A citação de hoje vai na forma de diálogo :

Carlos Reichenbach

– Se a tal da lei do audiovisual , que abre democraticamente os mesmos privilégios dos produtores independentes de cinema para as tevês abertas , passar pelo Congresso , a Globo poderá contratálo para trepanar a Xuxa, a Angélica , o Luciano Hulk e outros hipercomunicadores do neo-caretismo .

Arthur Omar

РTrepana̤̣o , para quem esqueceu ̩ atingir o c̩rebro atrav̩s da perfura̤̣o da caixa craniana com uma broca chamada tr̩pano .Era praticada no Egito , ṇo se sabe com que finalidade , talvez sagrada . Arte cir̼rgica do ̻xtase radical . Esp̩cie de cinema full contact .

A abertura do osso da cabeça provoca uma alteração da pressão cerebral , o que favorecia a irrigação de sangue naquele lugar . Os sacerdotes trepanados viviam com a Face Gloriosa o tempo todo , sem nenhum esforço . Apenas porque havia mais sangue em seu cérebro . O furo do osso era um verdadeiro portal . “

Citação do dia : ” O arabesco é o mais espiritual dos desenhos ”

( Charles Baudelaire )

Citação do dia : ” Há uma cor que não vem nos dicionários . É essa indefinível cor que têm todos os retratos , os figurinos da última estação , a voz das velhas damas , os primeiros sapatos , certas tabuletas , certas ruazinhas laterais : a cor do tempo .”

( Mário Quintana )

Começo a ler o último dos romances de Machado de Assis ( Memorial de Aires ) e descubro que nosso grande escritor já tinha sacado toda esta estória de blogger .

Citação do dia : ” Os lírios , deliram ? ”

( Mário da Silva Brito )

A citação do dia , é a respeito das pesquisas do poeta russo Velimir Khlébnikov : ” Em suas pesquisas numéricas , Khlébnikov aplicou os conhecimentos adquiridos no curso superior de Física e Matemática , que freqüentou na Univeridade de Kazã .

São elas bastante complexas e comparecem em grande parte de suas obras . É evidente que as várias teorias numéricas de Khlebnikovianas aguardam ainda uma adequada verificação .

Sem entrarmos no mérito de suas investigações , vamos apenas esclarecer , por exemplos retirados de ‘ Le nombre , la lettre , le mot ‘ de T. Todorov ( in Poétique n.1 , paris , 1970 ) , algumas implicações do número 317 .Ele provém de 365 (-48) .365 é a duração ‘natural’ do ano .

317 tem várias implicações : Eis algumas delas

a- para indicar o intervalo entre as grandes guerras que são separadas por (365 -48)n. anos= 317n.

Exemplo : a guerra russo japonesa de 1905 ocorreu 317 anos após a guerra anglo-espanhola de 1588 .

b- para marcar os acontecimantos da vida das pessoas .

Exemplo : o casamento de Púchkin deu-se no 317º dia após seu noivado com Natalia Gontcharova .

Além de reger os períodos , as distâncias o nº 365(-48) rege toda espécie de conjuntos homogêneos contáveis . Exemplo: o corpo do homem contem 317 X 2 músculos , Petrarca escreveu 317 sonetos dedicados a Laura , etc .

( Aurora Fornoni Bernardini )

Citação do dia :

” Fazer o que seja inútil.

Não fazer nada é inútil .

Mas entre fazer e não fazer

mais vale o inútil do fazer .

Mas não fazer para esquecer

que é inútil : nunca o esquecer ”

( João Cabral de Melo Neto )

Citação do dia : ” Num exame de Fisica .

O lente :

– O senhor sabe que às vezes coisas bem simples são terríveis explosivos , pode citar algum ?

O aluno comovido :

-O feijão . ”

( Mário de Sá Carneiro )

A citação do dia me leva a duas considerações : A primeira é que a anedota , uma vez que escrita por um poeta lusitano , confirma a tese que circula em determinados veículos da imprensa , que insiste que a feijoada não surgiu com os escravos , mas foi herança do cozido português . Logo proponho a substituição da expressão negritude feijoativa ( criada por Joaquim Ferreira dos Santos ) por lusitanidade feijoativa . A segunda consideração é sobre o potencial energético do feijão , matéria a ser estudada pelo nossos físicos tapuias , emboabas e mamelucos , como opção para a crise de energia : A FEIJOATIVIDADE : usinas e usinas transportando a energia do feijão para os lares da nação de Pindorama .

Citação do dia : ” O caráter profundo de algumas expressões vulgares : buracos que gerações sucessivas de formigas escavaram .”

( Charles Baudelaire )